sexta-feira, 23 de março de 2018

Divulgação | Lançamento do livro "Do-In" de Juracy Cançado


Sobre o livro...
Os tratamentos apresentados neste livro derivam, essencialmente, das intuições e experimentações de antigos sábios e mestres da Antiga China. A sua origem mais remota é o Dao Yin, o ancestral sistema de autocura e aprimoramento pessoal que serviu de fundamento para a edificação de todo o universo das artes terapêuticas chinesas. A notável combinação de simplicidade e eficácia permitiu que o Do-In logo se popularizasse, tornando-se uma rotina diária para a prevenção e o tratamento de problemas de saúde acessível às pessoas comuns. Voltada para os cuidados pessoais e a autocura com o concurso das próprias mãos, a prática do Do-In inseriu-se nos costumes familiares, congregando adultos, idosos e crianças num saudável ritual cotidiano, revelandose não apenas de grande utilidade, mas, por vezes, insuperável nas suas possibilidades de automassagens para a prevenção, e técnicas para correção de disfunções. As práticas apresentadas neste livro estão organizadas em seis partes: 
Autotratamentos – seleção de sintomas com sugestões de pontos e técnicas de tratamento; 
Pontos combinados – fórmulas especiais com a aplicação simultânea de pontos; 
Primeiros socorros nas emergências – abordagem sintomática com a participação de outra pessoa; 
Exercícios complementares – manobras e procedimentos auxiliares para a suplementação dos tratamentos; 
Áreas reflexas dos pés – massagem nas zonas de correspondências da planta dos pés; 
Práticas de prevenção e aprimoramento pessoal – automassagens nos meridianos para a prevenção de enfermidades e o autodesenvolvimento

O mecanismo de ação das práticas chinesas envolve sempre o desbloqueio no trânsito da rede de meridianos, por meio da intervenção nos seus pontos reguladores. É o livre fluxo do QI que permite a correção do distúrbio que ocasiona o mal-estar. Aplicada ao autotratamento ou estendida a outra pessoa, a estimulação digital de pontos-chave mostra-se percetivelmente útil para lidar com toda uma gama de distúrbios e disfunções, particularmente nas crises e noutras condições agudas. Como primeiros socorros nas emergências, em certos casos a intervenção manual chega a ser mais imediata do que a das agulhas da acupunctura! Quando envolvem dores em geral, os resultados costumam ser imediatos e o número de pontos exigido é mínimo – muitas vezes um único ponto pode ser suficiente. Todos os tratamentos constantes deste livro apresentam os pontos sugeridos ilustrados por diagramas da sua localização no corpo.

Cada vez mais as pessoas têm interesse nas terapias não convencionais. Este livro parece ser um excelente ponto de partida para descobrir outras formas de olharmos para o nosso corpo e de conhecer formas de encontrar o equilíbrio. 

Para quem tem oportunidade e interesse, podem assistir à apresentação do livro no próximo dia 26 de Março, às 19:00 horas na FNAC Colombo.

Aproveitem esta oportunidade de conhecer o autor e saber mais sobre o que guardam estas páginas.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Obrigada pelo tempo que dedicaste à minha publicação!