quinta-feira, 20 de julho de 2017

Opinião | "Reencontro com o amor" de Melissa Pimentel

Reencontro com o Amor
Classificação: 3 Estrelas

Reencontro com o amor é a minha estreia com a autora Melissa Pimentel e foi uma leitura, tal como prometia, bastante divertida.
Sempre gostei de livros onde a temática central passasse pelo reencontro de amores do passado. Sinto que, nestas narrativas, há uma mística especial a ligar as personagens e todo o enredo que é construído à volta deles. 

Neste livro assistimos ao reencontro entre Ethan e Ruby. Após dez anos de terem terminado o namoro, um casamento promove o reencontro. Estava muito curiosa por ver como tudo se iria processar. Apesar de ter gostado do reencontro entre eles senti falta de mais momentos de interação entre eles. Mesmo a conversa final foi muito unidirecional, ou seja, praticamente falou a Ruby e o Ethan também precisa de espaço para que a ligação entre eles fosse sentida de forma mais sólida.

Intercalado com os momentos presentes surgem capítulos com o passado de Ethan e Ruby. Foi a parte que mais que gostei e que sempre desesperei por mais. Conhecer como tudo começou entre eles foi muito importante para perceber o que é que os unia. Não senti um química instantânea. Foi mais um sentimento de que o amor vai crescendo aos poucos, onde cada um ia dando um pouco mais de si ao outro. Foi bonito ler estas partes, porém gostaria que tivessem sido mais aprofundadas e me tivessem oferecido mais deles os dois.

A irmã de Ruby estava bastante bem caracterizada, tão bem ao ponto de eu a odiar e não perceber como é que elas duas poderiam ser irmãs. É uma pessoa demasiado fútil para os meus gostos, com comportamentos demasiado infantis para a idade, mas que acaba por ter um papel relativamente importante no desenrolar da ação. 

Este é daqueles livros que nos diverte e descontrai. Um livro que consegue reunir diversão e romance torna-se numa leitura agradável e, em certos momentos da narrativa, bastante compulsiva. 
Para todos os leitores que gostem de um livro como companhia de praia atrevo a dizer que este é o livro ideal. O seu tom descontraído e o facto de ser detentor de uma narrativa simples torna-o um bom companheiro para diferentes locais, podendo eles ser mais barulhentos ou mais calmos. 
É um livro que sabe aos dias descomplicados do verão. 

Nota: Este livro foi-me cedido pela editora em troca de uma opinião honesta.
Uma leitura com o apoio da:

Sem comentários:

Enviar um comentário

Obrigada pelo tempo que dedicaste à minha publicação!