quinta-feira, 17 de março de 2016

Palavras Memoráveis


Eu não acreditava no destino, nos pequenos sinais da vida supostamente destinados a conduzir-nos para os caminhos que devemos tomar. Não acreditava em histórias de videntes, em cartas que nos predizem o futuro. Acreditava na simplicidade das coincidências, na verdade do acaso.
Marc Levy, A estranha viagem do Senhor Daldry

Sem comentários:

Enviar um comentário

Obrigada pelo tempo que dedicaste à minha publicação!