segunda-feira, 21 de dezembro de 2015

Tema 4 | Comida e Natal


Eu gulosa me confesso... Só uma coisa que não morro de amores no Natal, que é o bolo rei tradicional (não gosto de fruta cristalizada). 
Aletria, sonhos, rabanadas, mexidos, bolachinhas, chocolates... Gosto de tudo. Sabe-me bem comer estas coisas no Natal (e fora dele). 

Mas os gulosos têm de ser castigados. E este ano eu levo com o meu castigo. Não posso comer quase nada do que aparece na mesa de Natal. 
2015 ofereceu-me muitos "presentes negros" e um deles foi um problema de saúde que me limita a alimentação. Emagreci bastante ao longo deste ano, deixe de comer gorduras, coisas com temperos e chocolate (não como chocolate desde Setembro). 
Se me deixa triste? Às vezes... É complicado ir almoçar/jantar fora e ver uma data de coisas na mesa que não podemos saborear. E depois vem a parte chata de dizer "Desculpe não posso comer", ou então comer e depois levar com uma dor aguda que não nos deixa dormir. 

Neste Natal, se não quiser ir parar às urgências, vou ter de me conter. E eu sei que consigo, porque o tenho feito muito bem nos últimos tempos. Tenho saudades de comer chocolate? Tenho... Ainda para mais ontem chegou cá a casa uma quantidade de chocolates Suíços de deixar água na boca... É complicado vaguear pelos corredores do supermercado e ver Ferrero Rocher e este nem um posso comer para adoçar a alma. 

Felizmente não bebo bebidas alcoólicas, caso contrário era mais uma coisa que teria de abdicar.

Nem tudo é mau. Apesar de todas estas alterações passei a comer de forma muito mais saudável e aos poucos vamos conseguindo olhar para os outros sem sentir aquela vontade inexplicável de comer. 
Hoje consegui ter à mesa batatas fritas e não sentir a tristeza de ter que as deixar para os outros.

Assim, neste Natal, a minha relação com a comida vai ser regrada e muito controlado (como há muito não era). Felizmente um dos meus doces preferidos, a  Galette des Rois (um bolo francês), não está proibido.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Obrigada pelo tempo que dedicaste à minha publicação!