sexta-feira, 1 de maio de 2015

Abril | Português no Feminino (Parte 2)

Para quem leu este post (aqui) viu que a minha intenção de leitura para o mês passado era ler Sónia Louro.

Eu comecei o livro e ainda li 174 páginas, porém a forma como a história estava estrutura e escrita não me convenceu ao ponto de investir mais tempo na leitura. Senti falta de tanta coisa neste livro. Falta acção, articulação entre os acontecimentos, articulação entre passado e presente... Perdoem-me a expressão, mas estava a levar com uma valente seca e nesta altura da minha vida já não me sinto capaz de levar com ela. E acreditem que sou uma pessoa persistente e que não desiste de um livro só porque sim. Até costumo insistir nas leituras. 

Bem, como o mês já ia avançado e eu cheia de prazos a cumprir, recorri aos contos. 
Desta forma, a autora do mês de Abril foi a autora Olinda Gil e o conto escolhido foi Piano Surdo.
Piano Surdo

O conto já está lido e assim que me seja possível deixarei aqui a minha opinião. Para quem quiser ler, este conto está disponível, gratuitamente, no site da Smashwords. 

Dos meus leitores, quem é que já leu Olinda Gil? O que acham?


4 comentários:

  1. Nunca li nada da Olinda Gil, mas já tenho alguns dos contos dela para ler. Talvez a escolha para um dos próximos meses :)
    Vou esperar pela tua opinião!

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  2. Espero que gostes. Este foi o terceiro trabalho da Olinda Gil que li e foi o que mais gostei até agora.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  3. Respostas
    1. De nada, Olinda. É sempre uma prazer e uma alegria divulgar e ler autores portugueses :). Agora só estou em falta com a opinião, mas por estes lados as coisas andam complicadas. :P

      Eliminar

Obrigada pelo tempo que dedicaste à minha publicação!