quarta-feira, 17 de setembro de 2014

[Opinião] A noiva despida (Bride Trilogy #1)


A Noiva Despida

Autor: Nikki Germmell
Ano: 2012
Editora: ASA
Número de páginas: 320 páginas
Classificação: 1 Estrelas

Sinopse
Uma mulher desaparece.
Ela era a esposa perfeita, a mãe exemplar, uma mulher irrepreensível. O que dizer então do explosivo diário que deixa para trás? 
Nas suas páginas, ela revela pormenores surpreendentes da sua jornada de descoberta e libertação sexual. 
Ela inicia o seu diário em Marrocos. Está em lua-de-mel. Acredita ser feliz na sua vida confortável e convencional. Mas ela precisa de mais. Ao descobrir um livro raro, de uma autora anónima do século XVII, sente-se inspirada pela sua heroína fogosa, que desafia as convenções e busca o prazer. 
Mas o que começa apenas na sua imaginação, rapidamente ganha contornos de urgência. Pela primeira vez, ela põe em prática o que de mais íntimo e inconfessável lhe vai na alma. Assim começa uma vida dupla na qual transpõe a barreira entre fantasia e realidade, num mundo onde o desejo não conhece limites. Mas o preço dessa liberdade pode ser demasiado alto… 
A Noiva Despida é uma aventura nos meandros do sexo e do amor. Uma partilha de confidências que apenas as melhores amigas ousam fazer. No final, é impossível evitar a pergunta: até que ponto conhecemos verdadeiramente outra pessoa?

Opinião
Muito sinceramente nem sei o que dizer acerca deste livro. O título sugestivo deixou-me à espera de mais, aliás esperava encontrar algo diferente daquilo com que me deparei. Nunca senti tanta dificuldade em escrever sobre um livro como para este (demorei uma semana a concluir a opinião).

Pode ser um aspecto pessoal, mas custou-me a entender alguns aspectos da história e do livro. Não consegui saber quem estava a narrar o livro e só muito tarde na leitura é que comecei a pensar acerca do propósito de tudo aquilo, porque até ali eu ia desfolhando as páginas sem saber muito bem para onde é que me dirigia. 

Na minha opinião, penso que este livro pretende ilustrar a vida de uma mulher casada que se sente insatisfeita com a sua vida sexual. Até aqui tudo bem, agora a forma como ela procura "acordar" os seus desejos foi algo estranho para mim. Na teoria, até percebo o porquê de todos aqueles comportamentos, mas na prática eles não são muito saudáveis. Acho que a senhora, acima de tudo tinha muita instabilidade psicológica e emocional e os comportamentos que ela foi adoptando ainda a destruíram mais. Penso assim, pressupondo que o final desta história toda foi aquilo que eu fiquei a pensar. Sim, porque nem o final eu fiquei a entender muito bem. 

Eu sei que vocês a lerem isto vão achar confuso, mas confusão é a palavra que melhor descreve os meus sentimentos em relação a este livro. Quem conseguiu ver mais encanto e conseguiu olhar para além da minha limitada perspectiva terá, muito provavelmente uma outra opinião. Por isso, quem gostou do livro partilhe comigo quais os pontos que fizeram com que gostassem do livro. 


Sem comentários:

Enviar um comentário

Obrigada pelo tempo que dedicaste à minha publicação!