domingo, 3 de agosto de 2014

[Opinião] O Carocho-Pirilampo que tinha medo de voar



Autor: Mafalda Veiga
Ano: 2006
Editora: Quasi Edições
Número de páginas: 44 páginas
Classificação: 4 Estrelas

Sinopse
O carocho-pirilampo que tinha medo de voar é a estreia de Mafalda Veiga na literatura infantil. É o volume de abertura da biblioteca Tempo dos Mais Novos. Neste conto aprendemos que existem "dois escuros": o escuro do quarto à noite e o escuro de fechar os olhos. São dois lugares diferentes. às vezes são mesmo dois planetas diferentes porque neste último pode-se inventar o que se quiser, mesmo coisas que parecem impossíveis. Até mesmo um bichinho estranho: um carocho--pirilampo azul, com bolinhas de luz cor-de-laranja que piscam ao ritmo do bater do coração.

Opinião
Tinha este conto infantil na minha estante há muito tempo, por isso esta foi uma boa oportunidade de o ler.

É um conto que explica às crianças duas coisas: os sonhos/pesadelos como produto da nossa imaginação e a forma como podemos combater os medos.

O Caracho-Pirilampo tinha medo de voar e sempre que tinha medo a sua luz piscava imenso, mas para vencer os medos o importante é acreditar que os conseguimos ultrapassar.

Esta leitura permitiu-me cruzar com uma possível ferramenta de trabalho, uma vez que poderá ser uma história útil para trabalhar com crianças que apareçam com a queixa dos medos. Caso volte a trabalhar na área, não me vou esquecer desta história.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Obrigada pelo tempo que dedicaste à minha publicação!